25 de agosto de 2014

Laranjas feias, picolé doce


AVISO: Hoje trago provavelmente a que é a receita mais difícil do blogue. Leiam com muita atenção antes de começarem a prepará-la e nunca, mas nunca, o façam sem a supervisão de uma criança.

Sugiro que façam este picolé com aquelas laranjas que vos deram, acabadas de arrancar à árvore, sem tratamento, feias, algumas quase medonhas, mas com tanto sumo e tão doces que jamais as encontrariam assim no supermercado. E, com esta sugestão, aproveito a deixa para vos falar de um projecto que, para já, só actua na zona de Lisboa e Vale do Tejo  e que se chama precisamente "Fruta Feia". Alguns de vós, senão muitos, já ouviram falar deste projecto: é uma cooperativa que tem por objectivo reduzir a quantidade de alimentos que, embora estando em perfeitas condições de consumo, são rejeitados para comercialização e, por isso, devolvidos à terra pelos agricultores com o consequente desperdício de alimento, bem como da água, tempo e recursos gastos para a sua produção.
Todas as semanas a "Fruta Feia" recolhe, junto dos produtores, fruta e outros produtos hortícolas que estão fora das normas de comercialização pelo seu tamanho e aspecto e compõem cabazes de 3-4 kg ou de 6-8 kg e que fazem chegar ao consumidor (que se deve inscrever para o efeito) a um preço convidativo. Passem pela página para conhecerem um pouco mais da "Fruta Feia". Numa sociedade em que o consumismo e o desperdício atingem limites, no mínimo, insensatos, vale a pena conhecer estes projectos.



Ingredientes:
Sumo de 4 laranjas sumarentas
Açúcar ou adoçante a gosto

Preparação:
Adoce o sumo de laranja e verta em forminhas próprias para gelados.
Leve ao congelador até solidificarem.
Sirva-se em dias de calor.

Foi com esta fruta feia que fiz os picolés:
 
 
Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...