16 de fevereiro de 2011

Quiches de Maçã, Cebola e Cogumelos



Ultimamente tenho adquirido alguns livros dedicados à cozinha. Não porque me proponha a confeccionar todas as receitas que neles encontro, mas basicamente porque gosto de culinária e de livros. Gosto de os folhear, do cheiro do papel, de me extasiar com as fotografias e com as palavras. Acima de tudo com as palavras, já que são elas que nos guiam até ao resultado final. Gosto das capas e contracapas, dos índices. A admiração começa nas livrarias (mesmo que virtuais). Miro e remiro a capa. Se estou numa livraria física, folheio, leio o índice. Pouso e volto a pegar. Se estou on-line, leio as criticas e tudo o mais que encontrar. E se decido comprar, volto a repetir todo o processo, já em casa, dona do livro. E depois gosto de começar pelo fim, o que em termos de livro culinária é o mesmo que começar pela fotografia. O prato acabado, para depois me deliciar com a explicação da execução. E dos livros que entraram de novo para as minhas prateleiras contam-se estes: "O Grande Livro das Sobremesas Saudáveis", de Adriana Ortemberg, Ed. Ideias de Ler e "Portugal Revisitado", de Chakall, Ed. Oficina do Livro (este oferta de Natal da mana). De tanto folhear lá me decidi a pôr em prática o que li e do primeiro saiu uma base de massa para tarte com pouquissima gordura e do segundo a inspiração para o recheio.


Ingredientes:
Para a massa:
100 gr. de farinha de trigo integral
3 colheres de sopa de azeite ou óleo de milho ou de girassol
90 ml. de água ou de uma bebida vegetal (arroz, aveia ou soja)

Para o recheio:
1 cebola rocha
2 maçãs (utilizei Golden)
100 gr. cogumelos (utilizei de conserva)
2 colheres de sopa de açúcar mascavado
2 ovos
200 ml de natas
100 gr. de queijo da Serra
Azeite q.b.

Preparação:
A massa:
Misture a farinha com o azeite, numa taça, até formar grumos.
Incorpore a água aos poucos até obter uma massa com alguma elasticidade, mas que não se pegue às mãos. Envolva em película transparente e deixe repousar à temperatura ambiente durante 30 a 45 minutos.

O recheio:
Rale o queijo e reserve. Tenha em atenção que usando um queijo de pasta mole deve usar o robot de cozinha com cuidado para não obter uma pasta em vez de queijo ralado. Em alternativa sempre pode parti-lo em cubos pequenos
Corte a cebola em meias luas.
Descasque e descaroce a maçã e fatie.
Se utilizar cogumelos frescos limpe-os e lamine-os.
Numa frigideira aqueça um fio de azeite e aloure a cebola.
Quando começar a amolecer polvilhe com o açúcar e deixe caramelizar.
Acrescente a maçã e os cogumelos, envolva e deixe alourar em lume brando. Reserve
Numa taça bata as natas com os ovos, acrescente o queijo e o recheio que reservou e envolva.
Distribua pelas formas e leve ao forno pré-aquecido a 180º até as quiches se apresentarem bem douradas (estas ficaram mais para o tostado, mas não foi o único cozinhado de forno tostado neste fim-de-semana, enfim...).
Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...