19 de março de 2015

Trigo sarraceno com espigos


Quando era criança em casa dos meus pais havia um quintal, dividido em seis talhões, um para cada vizinho. No nosso espaço tínhamos um galinheiro e uma coelheira, que nem sempre estavam ocupados e quanto á terra, dependia um pouco da disponibilidade e vontade da minha mãe, mas por vezes lá saiam umas cebolas, alhos e feijão verde. O que nunca faltava era erva-cidreira e couve galega, sim, a do caldo verde e que agora lhe foi reconhecido um super estatuto nutricional. A sopa que mais se comia, era, por isso, o caldo verde ou a "sopa de couve esfarrapada". Quanto aos espigos ou grelo de couve, acho que iam para as galinhas e só muito mais tarde os comecei a usar principalmente no arroz.
Este fim-de-semana, como nos tinham oferecido alguma couve galega, além da sopa da minha infância, pensei em usá-la para a marmita e se o pensei, melhor o fiz. Estava a pensar cozer um pouco de trigo sarraceno para variar as refeições e então pensei porque não juntar os dois e em vez de arroz de espigos fazer um trigo sarraceno de espigos. Abençoadas as hortas e quem as cultiva e partilha estes tesouros.


Ingredientes:
1/2 chávena de trigo sarraceno
1 chávena de água (podem aproveitar a água de cozedura dos espigos)
Espigos (se não tiverem muitos, podem acrescentar couve)
1 cebola roxa, finamente fatiada
1 dente de alho, fatiado
3 tomates cereja, cortados em metades
Sal q.b.
Azeite q.b.

Preparação:
Coza os espigos em água e sal até ficarem tenros. Coe, reserve a água para cozer o trigo sarraceno e passe os espigos por água fria para pararem de cozer.
Toste ligeiramente o trigo sarraceno numa sertã e transfira para um tacho, cubra com a água e assim que levantar fervura reduza o calor para o minimo e deixe cozer por 15 minutos.
Novamente na sertã, deite um fio de azeite, o alho laminado e a cebola fatiada, deixe refogar ligeiramente até a cebola começar a ficar translucida e junte os espigos (corte os caules a meio se necessário). 
Tempere com um pouco de sal.
Deixe saltear em lume médio, mexendo sempre com a colher de pau, durante 4 a 5 minutos.
Junte o trigo sarraceno e os tomates e envolva. 
Deixe mais uns minutos em lume médio até os tomates amolecerem um pouco. 
Prove e retifique o sal.
Sugestão para servir: acompanhe com ovo escalfado.
Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...