20 de outubro de 2011

Ainda o verão ... em forma de ameixa



Já fora de época o verão disse adeus...até para o ano. Aqui, por esta cozinha, quase que findaram as compotas de verão. Tenho ainda uns pêssegos para fazer um chutney que muito provavelmente irá integrar os cabazes de Natal, mas para já ficam aqui as ameixas que deram em licor e duas compotas.

Licor de ameixa:
Fonte: Fórum Bimby (Licor de ameixa da Isi)
Ingredientes:
400 gr. de ameixas vermelhas descaroçadas
200 gr. de água
150 gr. de vodka (ou bagaço)
50 gr. de açúcar mascavado

 
Preparação:
Na bimby coloque a água e as ameixas no cesto. Programe 30 min./varoma/vel.1.
Findo esse tempo, retire as ameixas e reserve-as para a compota.
Ao liquido que ficou no copo acrescente a vodka e o açúcar. Programe 7 min./90º/vel. 2.
Guarde numa garrafinha esterilizada. Pode consumir de imediato.

Compota de ameixa:
Pese as ameixas reservadas, coloque-as no copo da bimby e acrescente metade do seu peso em açúcar. Triture 5 segundos/vel. 5 (gosto de sentir pedaços de fruta no doce) e programe: 25 min./100º/vel. 1.
No fim retire o copinho da tampa e substitua-o pelo cesto virado ao contrário. Programe 20 min./varoma/vel. 1.
Retire um pouco do doce para um pires gelado, deixe arrefecer uns minutos e passe o dedo pelo meio, abrindo uma estrada. Se voltar a fechar rapidamente programe mais 5 ou 10 minutos na mesma temperatura e velocidade.
Guarde em frascos esterilizados.

Compota de ameixas com Porto e canela:
Proceda como acima, juntando ao açúcar e ameixas o vinho do Porto. Triture se quiser e depois junte 1/2 pau de canela. O procedimento restante é idêntico.

Notas:
1 - Foi a primeira vez que fiz licor e fi-lo pela curiosidade inata a quem gosta de cozinhar, já que não sou muito fã de licores, mas este apreciei por não ter ficado muito doce e porque a vodka é mais suave no sabor que o bagaço.  
2 - Sendo o açúcar um conservante, quanto mais açúcar tiver a compota por mais tempo a poderemos guardar (tendo em conta que o processo de esterilização dos frascos é bem feito, claro), mas como normalmente faço pouca quantidade de cada vez, quase só para consumo da casa, atrevo-me a reduzir o açúcar para metade do peso da fruta e até à data sem decepções. Esterilizo os frascos com álcool, enche-os com a compota e coloco-os num tacho com água quase até à tampa. Ferve durante 10 minutos e retiro-os da água (cuidado com os choques térmicos, para os frascos não partirem). Uma vez abertos conservo-os no frigorífico e tenho o cuidado de utilizar uma colher bem limpa quando utilizo o doce. Tenho algumas compotas que se conservaram durante mais de um ano sem ter aparecido qualquer bolor.
3 - Como foi a primeira vez que fiz licor não tenho a receita no modo tradicional. Já quanto á compota vejam aqui.
Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...