4 de fevereiro de 2015

15 dias com o chef .... Beterraba assada com vinagrete de laranja



A receita pedia dois tipos de beterraba e ambas bébé, mas já me apercebi que por cá, se quiser "baby veggies" ou variedades diferentes do que habitualmente se encontra nos supermercados, terei que começar a plantar em casa para ter a variedade que quero e colher no tamanho que quero, o que não me parece que seja algo que vá acontecer, pelo menos nos tempos mais próximos. 
Claro, que isto acaba por ser um pequeno pormenor, porque na falta das beterrabas amarelas e na falta de "baby beets", usamos as beterrabas mais comuns, escolhemos as mais perfeitas e pequenas, adaptamos um pouco e o importante é que o sabor está todo lá.

A beterraba e a laranja são, para mim, uma combinação perfeita, que nesta receita é valorizada pelo vinagrete que a tempera. Se quiserem fazer deste prato uma refeição, acrescentem-lhe uma proteína, seja queijo, seja uma leguminosa e algumas sementes a gosto. Eu acrescentei-lhe feijão branco e trigo sarraceno e abri a semana de marmitas com ela. 

Esta salada vem na sequência do desafio quinzenal do grupo "Quinze dias com...", em que o chefe estrela é Curtis Stone, um australiano que "começou a cozinhar aos quatro anos com a sua avó e apaixonou-se pela comida desde então. Apesar de ter estudado Gestão, começou a trabalhar em restaurantes aos dezoito e tem seguido uma carreira brilhante enquanto chefe."  



Ingredientes:
4 beterrabas pequenas
2 raminhos de tomilho fresco
2 dentes de alho
1 chalota cortada a meio
1 colher de sopa de azeite
1 colher de sopa de água
Sal e pimenta a gosto (só usei sal)
Espinafres a gosto (rúcula no original)
Para o vinagrete:
2 laranjas
1 colher de sopa de vinagre balsâmico
1 colher de sopa de chalota finamente picada
1 colher de chá de mostarda de Dijon
2 colheres de sopa de azeite

Preparação:
Pré-aqueça o forno a 200º.
Coloque as beterrabas bem lavadas no centro de um quadrado de papel de alumínio, juntamente com a chalota, o dente de alho e o tomilho.
Forme um embrulho, deixando-o aberto. Junte o azeite e a água e tempere com sal e pimenta. 
Leve a assar até a beterraba estar macia: deverá conseguir espetar nas beterrabas, sem dificuldade, a ponta de uma faca afiada (o tempo depende do tamanho da beterraba, sendo médias/grandes conte com cerca de 45 minutos, pelo menos).
Retire do forno, deixe arrefecer e pele (na receita original as beterrabas são servidas com a casca, mas embora goste imenso de batata assada com casca, por exemplo, na beterraba tenho o hábito de a descascar).
Raspe a casca de 1 laranja para uma tigela de tamanho médio.
Corte os topos das laranjas e, com uma faca bem afiada, toda a casca, incluindo a parte branca, fazendo cortes de cima a baixo, acompanhado a curvatura da laranja.
Segue as laranjas (uma de cada vez, claro) sobre uma tigela e comece a cortar os gomos, separando-os da membrana (pele): faça um corte ao longo das membranas de cada lado do gomo, retire os gomos e coloque-os na tigela.
Com o que sobrou das laranjas, esprema até conseguir uma colher de sumo e deite sobre a tigela onde tem a raspa. Junte o vinagre, a chalota e a mostarda e, aos poucos, o azeite, mexendo bem para emulsionar.
Tempere a gosto com sal e pimenta.
Coloque as beterrabas cortadas em quartos no centro de um prato juntamente com os gomos de laranja, cubra com as folhas de espinafres e regue com a vinagreta.
Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...