29 de Junho de 2011

Canapés de Paté de Ricota e Rúcula com Tomate-Cereja


Gosto imenso do sabor ligeiramente picante da rúcula, por isso nem hesitei, quando abri um pacote de ricota para barrar no pão antes da refeição em juntar-lhe umas folhas de rúcula. O adocicado da ricota casava maravilhosamente com o picante da rúcula. Daí a juntar-lhe o tomate-cereja, uma das minhas companhias predilectas para a rúcula, foi um instantinho e assim nasceram estas tostinhas que se comem em duas trincas, umas atrás das outras.

Ingredientes:
100 gr. de ricota
Rúcula q.b.
1 colher de café de mostarda
1 colher de café de alho em pó
Sal a gosto
Tomate-cereja
Tostinhas

Preparação:
Numa tigela misture a ricota com o alho em pó, a mostarda e o sal.
Pique a rúcula bem picadinha e misture no preparado anterior. Use maior ou menor quantidade de rúcula conforme preferir um sabor mais ou menos picante.
Barre tostinhas com o paté e sobre cada uma delas coloque uma metade de tomate cereja.

27 de Junho de 2011

Manga-Laranja e um raio de sol


No Verão o chá quente é substituído por bebidas mais frescas. Desde os refrescos aos sumos e batidos de fruta tudo é permitido. Este manga/laranja 100% natural cumpriu tudo o que dele se esperava: frescura e sabor. As laranjas e a manga vieram do frigorifico por isso estavam bem frescas, mas pode acrescentar gelo se o calor o pedir.

Ingredientes (para 2 copos de cerca de 300 ml)
3 laranjas
1 manga
1/2 limão
Água q.b.
Açúcar a gosto

Preparação:
Tradicional:
Esprema o sumo das laranjas e do limão.
No liquidificador junte os sumos e a manga descascada e partida em pedaços.
Triture muito bem.
Acrescente água suficiente para perfazer a quantidade desejada e adoce a gosto.
Distribua pelos copos.

Bimby:
Pele as laranjas e do limão retirando toda a pele branca. Parta em quartos e retire as pevides.
Descasque a manga e corte em pedaços.
Junte tudo no copo e programe 2 minutos/vel.9.
Acrescente a água e o açúcar. Misture na velocidade 3.
Sirva.

22 de Junho de 2011

Uma mão cheia de cerejas



De uma mão cheia de cerejas só podia nascer um clafoutis. O primeiro e que se há-de repetir, sem dúvida. Para a estreia segui a sugestão da Moira para esta receita. E o resultado agradou. Agradou pela fruta, agradou pela aparência e agradou pelo facto de não ser excessivamente doce.
Se inicialmente me propus substituir as natas por leite, optei por não o fazer, limitando-me a substituir o açúcar por adoçante. Também descarocei as cerejas, embora a Moira refira que a cereja inteira faz toda a diferença em sabor, mas confesso que tive algum receio das reacções. Para uma próxima reservo um pouco da massa para experimentar a cereja inteira.
Indico aqui as quantidades que a Moira usou, mas como só tinha 300 gr. de cereja (já sem o caroço) fiz uma redução utilzando a regra de 3 simples para adaptar a massa a esta quantidade de fruta. Usei uma tarteira de 18 cm.


Ingredientes:
500 gr. de cerejas pretas
60 gr. de mateiga amolecida
75 gr. de açúcar (equivalente a 7,5 gr. de adoçante)
4 ovos
2 dl de natas
2,5 dl de leite
100 gr. de farinha
1 colher de sopa de rum (a Moira indica que é facultativo. Usei Licor de Ginja)
1 colher de sopa de açúcar em pó

Preparação:
Lavar as cerejas, retirar os pés e descaroçar.
Peneirar a farinha para uma taça e fazer um buraco no centro. Nesse buraco colocar 1 ovo e três gemas (usei 2 ovos interios, tendo em conta a redução de ingredientes que fiz), a manteiga e o açúcar ou adoçante. Misturar até obter uma massa homogénea e adicionar as natas, o licor e o leite aos poucos e misturando bem. A massa que vai obter terá uma consistência liquida.
Barrar uma tarteira ou tabuleiro de forno (esqueci este pormenor, mas correu tudo bem) que possa também ir à mesa, colocar as cerejas, cobrir com a massa e levar ao forno, a 170º, durante cerca de 30 minutos ou até a tarte estar dourada.
Polvilhe com açúcar em pó e sirva, morna ou fria.

20 de Junho de 2011

Soda Bread com sementes


Este pão, tradicional na Irlanda, é muito rápido de se fazer, já que dispensa a fermentação longa. Em vez do fermento é usado bicarbonato de sódio e buttermilk (leitelho) ou iogurte. Os dois ingredientes em conjunto vão reagir e fazer crescer o pão. A massa tem que ser trabalhado com bastante rapidez e quando entra no forno este já tem que estar devidamente aquecido. Assim, ligue o forno e só comece a fazer o pão uns cinco minutos antes de atingir a temperatura indicada. A receita encontrei-a no "Anasbageri - A Padaria da Ana"  e faz-se assim:

Ingredientes:
250 gr de farinha de centeio
200 gr de farinha de espelta
1 colher de chá de sal
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
4 dl de buttermilk (ou leite com umas gotas de limão)

Preparação:
Aqueça o forno a 225º.
Se usar leite em vez de buttermilk, deite-lhe umas gotas de sumo de limão e deixe repousar por 10 minutos.
Forre um tabuleiro com papel vegetal ou prepare o tapete de silicone.
Coloque os ingredientes secos numa tigela.
Adicione quase todo o buttermilk/leite (atenção que neste ponto o forno já deve estar quente) e, com um garfo ou com as os dedos abertos das mãos, mexa muito rapidamente os ingredientes juntando o restante buttermilk/leite. É fundamental que a massa não seja muito trabalhada.
Transfira a massa para o tabuleiro, molde o pão dando-lhe um formato arredondado e faça-lhe alguns cortes no topo.
Leve a cozer por 30 a 35 minutos ou até o pão estar cozido (batendo na base com os nós dos dedos deve produzir um som oco).
Deixe arrefecer e sirva-se.

17 de Junho de 2011

Queques de laranja e chocolate



Há sempre um dia em que apetece um docinho. Um mimo para alma. Não sei de onde vem este gosto de comer doces para reconfortar os espíritos, mas a verdade é que reconforta mesmo. Não sou só eu que o digo, mas acho que praticamente todas as pessoas que conheço. Nem que seja um doce simples e despretensioso. É só para adoçar os dias mesmo. E por isso recorri a esta receita tão simples, a que acrescentei a laranja e substituí o creme de avelãs por chocolate, enchi as forminhas, juntei o chocolate em movimentos gulosos, antecipando o sabor final e em 20 minutos estavam a sair do forno para nossas delicias.

(Fonte: Livro Base da Bimby)

Ingredientes:
100 gr. de óleo (manteiga no original)
50 gr. de sumo de laranja
3 ovos
200 gr. de farinha
100 gr. de açúcar
75 gr. de chocolate em barra

Preparação:
Tradicional:
Pré-aqueça o forno a 180º.
Derreta o chocolate no microondas na potência máxima e em períodos de 30 segundos a 1 minuto, conforme o microondas, mexendo entre cada paragem. Assim que o chocolate começar a derreter à medida que vai mexendo não volta ao microondas. Continue a mexer até derreter completamente. Reserve.
Numa taça misture todos os ingredientes e bata até obter uma massa homogénea.
Distribua esta massa por forminhas de queques, enchendo 2/3 das mesmas.
Em cada forma deite uma colher de chá de chocolate derretido e com um palito faça movimentos circulares para misturar o chocolate, deixando raiados na massa.
Leve ao forno por 20 minutos.

Bimby:
Derreta o chocolate no microondas na potência máxima e em períodos de 30 segundos a 1 minuto, conforme o microondas, mexendo entre cada paragem. Assim que o chocolate começar a derreter à medida que vai mexendo não volta ao microondas. Continue a mexer até derreter completamente. Reserve.

No copo da bimby deite os restantes ingredientes e programe: 3 minutos/vel.6.
Continue como acima se descreve.

Estes bolinhos estariam perfeitos para o cestinho do Capucinho Vermelho. Um mimo doce para a querida avozinha que com certeza não se faria rogada. E assim, participo no desafio do 4º Aniversário do blogue "Receitas da Belinha". Parabéns Belinha e obrigada pela chuva de simpatia que espalhas por esta blogosfera.

15 de Junho de 2011

Crumble de Legumes


Foi um perfeiro acompanhamento para um assado e pode ser uma óptima opção para aproveitamento de sobras de legumes cozidos de outras refeições e permite um sem número de variações. Pode acrescentar queijo ralado ao crumble ou envolver os legumes num bechamel para tornar o prato mais cremoso.



Ingredientes:
1 batata
2 cenouras
1 couve flor
1/2 couve branca
Pão ralado q.b. (utilizei pão ralado aromatizado com alho e salsa)
Azeite
Sal

Preparação:
Descasque a batata e a cenoura. Corte a bata a meio e a cenoura em cubos.
Prepare as couves, lavando e separando os floretes da couve-flor e cortando a couve branca em pedaços pequenos ou em juliana.
Coza em água e sal. Assim que estiverem cozidos, escorra toda a água e reserve os legumes.
Migue a batata com pão ralado até obter uma mistura "farinhenta".
Espalhe os legumes num tabuleiro ou travessa de forno.
Regue com um fio de azeite.
Cubra com o crumble de batata e pão ralado.
Leve ao forno para ganhar cor.

10 de Junho de 2011

Sangria Branca


Regressou o calor em força e com ele as refeições ao ar livre. Depois de uma manhã de praia, não apetecia nada estar na cozinha a preparar entradas ou sobremesas especiais para tornar diferente mais um almoço de Domingo. Os robalos já estavam amanhados de barriga bem  temperada com limão, salsa, louro e alho. Apesar do calor, acabaram mesmo no forno na habitual cama de legumes e rodeados de batatinha. Para refrescar este prato quente, nada melhor que a sombra do guarda-sol e uma sangria fresquinha de vinho branco.

Ingredientes:
1 garrafa de vinho branco
1 pêssego
1 ameixa branca
Uvas pretas q.b. (as mais pequeninas do cacho)
Açúcar amarelo q.b.

Preparação:
Descaroce a fruta e corte-a em pedaços pequenos.
Deite-a num jarro, juntamente com as uvas, e cubra com o açúcar.
Deixe macerar uns minutos.
Regue com o vinho e mexa.
Sirva com cubos de gelo.

9 de Junho de 2011

Bolo de Banana e Mel


Fui ao Flagrante Delicia buscar este bolo para aproveitar umas bananas demasiado maduras. Adapteio-o  aos ingredientes que tinha na despensa e dei-lhe o toque de "bolo formigueiro" com o granulado de chocolate porque me deu para a gulodice por chocolate, mas este ingrediente pode ser perfeitamente dispensado.

Fonte: flagrantedelicia.com

Ingredientes:
125 gr. de farinha integral
50 gr. de farinha de trigo
35 gr. de farinha maizena
1 colher de chá de fermento em pó
3/4 de colher de chá de bicarbonato de sódio
1 pitada de sal
50 gr. de açúcar integral de cana
2 colheres de sopa de chocolate granulado (só porque a gulodice falou mais alto: perfeitamente dispensável)
50 gr. de mel
2 bananas maduras
1/4 de sumo de limão ou lima
1 ovo
70 ml de óleo de girassol



Preparação:
Peneire todos os ingredientes secos para uma tigela e reserve.
Reduza a banana a puré, juntamente com o sumo de limão.
Misture o puré de banana com o ovo e o mel até obter uma massa homogénea.
Misture no puré de banana os ingredientes secos e envolva até ficar uma massa uniforme.
Verta a massa para uma forma untada com farinha e polvilhada com manteiga, ou untada com spray Espiga e leve a forno pré-aquecido a 180º até estar cozido (espete um palito no centro do bolo, se sair seco está pronto).

Com este bolo participo no Alquimia de Ingredientes que se faz desta vez com massa folhada e mel.

8 de Junho de 2011

Lulas grelhadas e batatas Mrs Anna


As batatas foram cozinhadas segundo os preceitos indicados aqui.

Ingredientes:
Lulas
Sal
Limão
Salsa
Batatas
3 colheres de sopa de  água
2 colheres de sopa de azeite
Sal q.b.

Preparação:
As batatas:
Descasque as batatas e corte-as em palitos grossos.
Coloque-as numa frigideira e tempere de sal.
Deite a água e o azeite e deixe cozinhar em lume brando, mexendo de vez em quando.
Enquanto isso prepare
As lulas:
Lave bem as lulas, retirando todas as areias e tempere de sal.
Num grelhador ou frigideira bem quente deite umas gotas de azeite e, quando quente, as lulas.
Grelhe-as até estarem tenras, voltando-as de vez em quando e regando com sumo de limão. 

6 de Junho de 2011

Salada de tomate cereja com uvas e avelãs


Ingredientes:
Tomate cereja q.b.
Uvas pretas e brancas q.b.
Alface q.b.
1/2 Pimento Vermelho
Avelãs q.b.
Tempero a gosto

Preparação:
Lave todos os ingredientes.
Corte o pimento em cubos (se preferir pode cozer ou assar o pimento primeiro, eu cortei e dei uma fervura pequena).
Corte os tomates cereja e as uvas em metades, retirando a grainha às uvas.
Corte a alface em tiras e coloque no fundo de uma saladeira.
Junte os tomates, as uvas e pimento.
Envolva e tempere a gosto.
Espalhe as avelãs por cima.

3 de Junho de 2011

Mousse de Meloa


Uma uma sobremesa fresca e light para enfrentar dias de calor.

Ingredientes:
1 meloa
1 iogurte grego
2 colheres de chá de gelatina em pó

Preparação:
Coloque a gelatina numa taça e cubra com um pouco de água.
leve ao microondas para derreter.
Descasque a meloa e limpe de sementes. Parta em pedaços e no liquidificador bata todos os ingredientes.
Verta o preparado para uma taça e leve ao frigorífico até ficar firme.
Sirva em taças individuais moldando com a colher de gelado.

1 de Junho de 2011

Salmão em papelote


O salmão é um dos peixes preferidos, mas, não sei porquê, raramente faço refeições de salmão. Resolvi quebrar essa rotina e fiz o salmão no forno em papelotes. Foi uma refeição rápida, prática e deliciosa.

Ingredientes:
1 filete de salmão por pessoa
1 cebola
2 dentes de alho
Cebolinho q.b.
Limão
Azeite q.b.
Sal q.b.

Preparação:
Corte tantos rectangulos de papel de aluminio quantos os filetes de salmão em tamanho suficiente para embrulhar o peixe.
Parta a cebola em gomos finos e distribua pelos papelotes.
Tempere o salmão com sal, alhos laminados e sumo de limão.
Pouse cada filete no seu papel, polvilhe com algumas hastes de cebolinho e regue com um pouco de azeite.
Feche os embrulhos e leve a forno pré-aquecido a 180º durante 15 a 20 minutos.
Fndo esse tempo, verifique se o peixe está cozido abrindo com todo o cuidado os papelotes.
Estando pronto deixe mais uns minutos no forno para corar um pouco, se for preciso cozinhar mais tempo faça-o já com os papelotes entreabertos.
Sirva com batata e bróculos cozidos.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...